09/11/2017 • 16:22:01

​Operação da DIG de Rio Preto prende envolvidos em homicídio no RS

Outras duas pessoas foram presas durante a operação feita para prender foragidos



DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO


​Uma operação feita pela DIG (Delegacia de Investigações Gerais) da Polícia Civil de Rio Preto prendeu quatro pessoas nesta quinta-feira (9). A ação foi realizada para prender foragidos da Justiça e combater o tráfico de drogas.

De acordo com informações da polícia, mãe e filho suspeitos de envolvimento no homicídio de um homem de 53 anos, em Gramado (RS), no mês passado, foram encontrados na cidade e presos.

A polícia gaúcha apurou que a vítima supostamente tinha uma dívida com uma facção de traficantes daquele Estado. Os policiais conseguiram identificar a quadrilha, levantar provas da participação do delito e representou pela prisão temporária de seus envolvidos.

Em seguida, os policiais de Gramado tomaram conhecimento que os dois suspeitos vieram para Rio Preto após os fatos.

"Assim, a Polícia Civil do Rio Grande do Sul solicitou à DIG empenho para identificar o paradeiro dos indiciados e prendê-los. Simultaneamente, outros envolvidos eram presos em cidades gaúchas".

B. R. M. de 20 anos e sua genitora P. R. R. M de 39 anos foram presos hoje pela manhã e foram conduzidos à delegacia. Eles ficarão presos até que equipes da polícia gaúcha cheguem na cidade para levá-los até o RS.

OUTROS MANDADOS

Outra equipe de policiais da DIG prendeu um homem que estava sendo procurado pela Justiça por homicídio.

Simultaneamente, outros policias prenderam preventivamente um homem que estava sendo investigado por atacar e roubar mulheres que transitavam no bairro Redentora, em nossa cidade. Ele estava respondendo o crime em liberdade, porém a Justiça acatou o pedido delegado, que representou por sua prisão pela gravidade dos delitos.

Em mais uma apreensão de menor infrator, a DIG apreendeu um adolescente de 16 anos com várias porções de cocaína e dinheiro fruto do tráfico. O menor foi abordado no bairro João Paulo II e conduzido à delegacia.


Desenvolvimento:

Sistema Araça de Comunicação LTDA • Todos os direitos reservados