Após investigações, Dise prende mulher ligada a facção criminosa com cocaína, maconha e skank

Droga foi encontrada na casa da suspeita, que seria a responsável por esconder droga

Após investigações, Dise prende mulher ligada a facção criminosa com cocaína, maconha e skank - Divulgação


Após semanas de investigações, policiais civis de Rio Preto prenderam uma mulher de 44 anos, suspeita de ligação com uma facção que age dentro e fora dos presídios paulistas, por tráfico de drogas. A prisão aconteceu no bairro Solo Sagrado, em Rio Preto (SP).


De acordo com informações da Polícia Civil, a mulher seria a responsável por esconder os entorpecentes enviados pela quadrilha, que posteriormente seriam distribuídos em pontos de tráfico da cidade.

Após identificar a suspeita, os policiais foram até o local investigado e encontraram um tijolo e várias porções de cocaína, seis grandes porções de maconha e sete de skank, sendo algumas em tijolos e outras em tabletes fracionados. Todo o material foi levado para ser periciado.

A suspeita foi levada para a delegacia e vai passar por audiência de custódia para que a Justiça decida se ela vai responder pelo crime presa ou em liberdade.


Comentários