Criança aborta gêmeos após ser estuprada pelo padrasto

Criança aborta gêmeos após ser estuprada pelo padrasto - Imagem Ilustrativa


A criança, de 10 anos, que engravidou de gêmeos após ser estuprada pelo padrasto realizou o procedimento de aborto em Governador Valadares, município em Minas Gerais, nesta quinta-feira (21).


A vítima estava internada para dar início a interrupção da gravidez desde a quarta-feira (20). De acordo com Adeliana Xavier, delegada responsável pelo caso, a menina passa bem.

O homem continua foragido. A Polícia Civil já pediu a prisão preventiva do investigado. 

Em depoimento, a vítima disse que começou a ser abusada pelo homem em 2017. A mãe da jovem também está grávida do rapaz, de 26, e desconfiou do crime ao notar que a menstruação da pequena estava atrasada.

A mulher, então, resolveu levar a criança no médico e, ao fazer um exame, descobriu a importunação sexual.

A identidade do padrasto não foi divulgada. 

 


Comentários