No 'Programa do Ratinho', Doria comemora vacinação rápida e garante retomada da economia

Governador de SP também falou sobre o andamento dos testes da ButanVac, a vacina 100% brasileira








O governador de SP, João Doria, foi o convidado no quadro '2 Dedos de Prosa', do Programa do Ratinho, nesta sexta-feira (9), e deu detalhes da vacinação contra a covid-19 em SP, além de detalhar programas criados para a retomada da economia e a ajuda a famílias carentes que estão sofrendo com a pandemia.

"A vacinação em SP vai de forma acelerada. Vamos vacinar todos os brasileiros de SP e estrangeiros até dia 15 de setembro. Talvez até antes. Houve uma queda sensível de internações em leitos primários, nas UTIs e, graças a Deus, a redução em óbitos", disse. 

Perguntado se a pior fase da pandemia já passou, Doria disse que sim, mas fez ressalvas.

No 'Programa do Ratinho', Doria comemora vacinação rápida e garante retomada da economia - Divulgação/Programa do Ratinho


"Ainda temos que manter todos os cuidados necessários: usar máscara, álcool em gel, ter um pouquinho mais de paciência. Precisamos tomar a vacina, mas principalmente a segunda dose", disse. "Toda vacina é boa. Precisamos nos imunizar com a segunda dose. A Pfizer, Astrazeneca, CoronaVac, todas são boas. Todas aprovadas pela Anvisa são boas vacinas", reforçou o governador.

O Governo de SP já entregou mais de 53 milhões de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde e irá entregar mais 47 milhões com um mês de antecipação do prazo previsto em contrato. Além disso, o Estado já vacinou, com a primeira dose, mais de 20 milhões de pessoas.

BUTANVAC, A VACINA BRASILEIRA

O governador também falou sobre a ButanVac, vacina totalmente produzida pelo Brasil, e que iniciou os testes finais, após autorização da Anvisa.

"Os testes das fases um, dois e três começaram. Se tudo correr bem, já em outubro, após aprovação da Anvisa, poderemos ter a autorização para aplicação. É tudo produzido aqui, com baixo custo e imunização rápida, sem insumos de fora. O Instituto Butantan poderá produzir 1 milhão de doses por dia".

RETOMADA DA ECONOMIA

Doria também falou sobre o estímulo econômico para os empresários durante a pandemia e o trabalho desenvolvido para a retomada da economia.

"Nós vamos ter um segundo semestre bom na economia brasileira e muito bom na economia de SP, mas até lá precisamos ajudar quem está passando dificuldade. Temos o financiamento do Banco do Povo, de até R$ 20 mil, para que os pequenos empresários consigam esse crédito. E temos o Banco Desenvolve em SP, com um crédito maior, de até R$ 1 milhão".

O Governo de SP lançou, ainda, o 'SP Acolhe', programa que vai pagar R$ 800 mensais para 11 mil famílias carentes que perderam parentes para a covid-19, o 'Vale Gás', que vai pagar auxílios de R$ 100 para 500 mil pessoas comprarem botijões para suas casas e o programa 'Dignidade Íntima', que vai atender mais de 1,3 milhão de estudantes com distribuição de absorventes na Rede Estadual de Ensino. Tudo pode ser consultado no site do Bolsa Povo.