Começa em Olímpia o maior evento público-privado do Brasil

A abertura ficou a cargo do presidente do conselho gestor da Uvesp, Sebastião Misiara, que enfatizou o poder dos municípios ao dizer que a força do Brasil está nas cidades

Começa em Olímpia o maior evento público-privado do Brasil - SBT Interior / Juliano Abocater


A abertura do 'Conexidades', maior evento público-privado do país, nesta terça-feira (23), surpreendeu a organização da Uvesp (União dos Vereadores do Estado de SP) responsável pelo congresso. Instalado no Centro de Eventos do Parque Thermas dos Laranjais, em Olímpia (SP), centenas de lideranças políticas marcaram presença. A organização estima que mais de mil pessoas estiveram presentes no lançamento.


Antes do painel de abertura, o público pode percorrer os corredores com os stands das cidades participantes e conhecer de perto as vocações dos municípios que estão abertos para investimentos. A feira montada no evento também abriu espaço para parcerias com empresas privadas de diversos setores da economia como indústria, serviços, tecnologia e comunicação, que possam dialogar e gerar negócios.

O SBT Interior é a única emissora de TV participante do evento e também a emissora oficial do Conexidades. Um stand montado no sertor de parcerias privadas vai mostrar a relevância do SBT Interior nas cidades paulista. Também foi reservado stands para autarquias estaduais e órgão do Governo de SP com o objetivo de aproximar a administração municipal com a estadual e assim firmar compromisso com responsabilidade.

A abertura ficou a cargo do presidente do conselho gestor da Uvesp, Sebastião Misiara, que enfatizou o poder dos municípios ao dizer que a força do Brasil está nas cidades. "Os municípios brasileiros que são responsáveis pelos empregos, pela produção, pela educação, é nas cidades que começa a força desse país", acrescentou.

O anfitrião do evento, prefeito de Olímpia, Fernando Cunha (PSD), afirmou mais uma vez o potencial e a força do interior que mostra a garra e representa o brasileiro. Cunha ainda mostrou que a administração pública quando feita com competência e compromisso traz resultados que melhoram a vida das pessoas. Olímpia, com 55 mil habitantes, foi uma das poucas cidades brasileiras que teve crescimento durante o período da pandemia. "Fruto do compromisso com a população, resultado de uma administração que pensa e faz pela nossa gente, compromisso com a parceria público-privada", completou. "Olímpia se tornou o primeiro Distrito Turístico de SP e servirá de exemplo para outras regiões do estado. O exemplo da parceria público-privado da Estância de Olímpia gerou emprego, renda e desenvolvimento para a cidade e para a região", completou. Olímpia recebeu investimentos na casa de mais de um bilhão de reais nos últimos meses, em lançamentos imobiliários, empreendimentos turísticos e obras municipais, se destacando entre as cidades brasileiras.

Durante a abertura, também usou a palavra, a conselheira e presidente do tribunal de Contas do Estado de SP, Cristiana de Castro Moraes, que destacou a importância do comprometimento político dos gestores municipais. "O TCE SP ao passar dos anos descobriu que melhor do que fiscalizar é orientar, ajudar os municípios a fazer o papel administrativo bem feito e assim evitar desperdiço e corrupção", afirmou. O TCE SP é um dos convidados e parceiros do evento.

Representando o Governo de SP, esteve presente o secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido, que mostrou muita satisfação e alegria em poder vivenciar um evento como esse. Penido afirmou que o Conexidade, de extrema importância para a retomada da economia, só pôde acontecer devido ao avanço da vacinação. "Mais uma vez mostramos para o Brasil que nosso estado tem força e estrutura, e é em razão da vacina, trazida pelo nosso governador João Doria,  que estamos vivenciando o hoje", completou. "São Paulo precisa se conectar e estamos fazendo a nossa parte aqui no Conexidades, é muito importante esse relacionamento entre público e privado para a retomada da economia com força", disse.

Próximo painel

Na quarta-feira (24), o Conexidades tem início as 9h30. O tema discutido será “Porque os municípios perdem recurso”, com Abrahão Cavalcanti, especialista em Gestão de Transferências Voluntárias da União; Daniel Vaz, especialista em Gestão de Convênios Conce-Dente; Ubirajara Gonçalves de Lima Júnior, gerente de filial da Gerência Executiva de Governo de São José do Rio Preto - Caixa Econômica Federal, e Manoel Rosa, prefeito de Bastos.

O segundo painel, com início às 10h30, debaterá o tema “Meio Ambiente e Resíduos Sólidos”, com Marco Penido, secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado de São Paulo; Geninho Zuliani, deputado federal e relator do Novo Marco Regulatório do Saneamento, e Pedro Maranhão, secretário Nacional de Saneamento. Já às 11h30, será a vez do debate “Crise Hídrica – Papel dos Municípios”, com Benedito Braga, diretor-presidente da Sabesp; Patricia Iglecias, presidente da Cetesb, e Alexandre Araújo, prefeito de Aguaí.

Na parte da tarde, a programação continua às 14h30, com o tema “Construção Civil – Marco do Desenvolvimento do Interior Paulista”, com Flávio Amary, secretário da Habitação do Estado de São Paulo; Sílvio Vasconcellos, presidente da CDHU; Frederico Climério Marcondes César, vice-presidente do Interior do Secovi-SP e Lucas Pocay, prefeito de Ourinhos; às 15h30, “Reforma Tributária para o Setor Público e Privado”, com Roberto Giannetti da Fonseca, economista; Lucas Cepeda, Head de Competitividade no Centro de Liderança Pública - CLP; George Pinheiro, presidente da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil, e Hamilton Bernardes Junior, prefeito de Pedreira, e às 16h30, com o tema “Retomada do Turismo. Estamos Prontos?”, com Vinicius Lummertz, secretário de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo; Toni Sando, presidente da Unidestinos e do SPCVB; Marcos Oliveira, presidente da Aprecesp e prefeito de Morungaba, e Fernando Cunha, prefeito da Estância Turística de Olímpia.

Conexidades

Nos próximos quatro dias, de 23 e 27 de novembro, centenas de autoridades estaduais e nacionais participam da 4ª edição do Conexidades - Encontro Nacional de Parceiros Públicos e Privados, promovido pela Uvesp (União dos Vereadores do Estado de São Paulo. O evento é voltado às lideranças municipais que discutirá importantes temas para o desenvolvimento das cidades no pós pandemia, unindo a iniciativa privada, entidades, fundações, governo e associações representativas.

A iniciativa busca a retomada do desenvolvimento, e tenta escrever uma nova história, com orientações e preparação do agente público.

 

Confira as fotos




Comentários