Desempregado é preso por espancar e morder mulher

Homem atacou a a vítima depois que ela anunciou que quer se separar

Desempregado é preso por espancar e morder mulher - Imagem ilustrativa


Um desempregado de 31 anos foi preso em flagrante ontem, pela Polícia Militar, depois de bater, morder e cortar o rosto da mulher, de 42 anos. O caso foi no bairro Engenheiro Taveira. Segundo o boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi chamada por vizinhos que ouviram a briga. Quando chegaram ao local, o homem estava na frente da casa e foi logo dizendo que tinha batido na mulher.


Quando percebeu que a polícia estava no local, a vítima saiu de dentro de casa pedindo ajuda. Ela tinha um corte no rosto, ferimentos no pé, hematomas e marcas de mordidas em um dos braços e uma das pernas. A mulher contou aos policiais que as agressões começaram depois que ela disse que quer mais viver com o agressor.

A mulher foi levada ao Pronto-Socorro Municipal de Araçatuba, onde recebeu atendimento médico. Já o agressor foi preso em flagrante e permanece à disposição da Justiça.


Comentários